Uso de Energia Solar deve crescer na próxima década

 

 

Dado os impactos cada vez mais negativos e predatórios da exploração dos combustíveis fósseis, o investimento em fontes alternativas de energia deixa de ser progressista para tornar-se uma obrigação de governos e empresas.

 

Fontes infinitas de energia, a força do sol e do vento, por exemplo, se com mínimos impactos aos recursos naturais e ao próprio ser humano, têm sido um potencial ainda sub-explorado.

 

Mas essa realidade, felizmente, está mudando. Segundo especialistas, só  o uso de energia solar cresceu 20% na última década. Prova disso é a China que, desbancando a Alemanha, é hoje a potência mundial em energia solar,  é responsável por quase 22% de toda a produção mundial.

 

O Brasil, que não figura na lista dos top 10, se investisse no barateamento do acesso aos paineis, teria grandes chances de figurar entre os mais. O estado do Ceará, maior produtor nacional, planeja construir o maior parque do país até o fim deste ano.

 

Outro exemplo é a na União Europeia que propôs um pacote de propostas chamado de “20-20-20″, que compreende: a redução de 20% nas emissões de CO2  – ao nível de 1990, aumento do uso das renováveis para 20% e melhora em 20% práticas de eficiência energética. Países europeus até 2020 para alcançar essas metas.

 

Portugal, por exemplo, recentemente alcançou os 70% de geração de energia elétrica a partir de fontes renováveis. Por outro lado, o uso de hidrelétricas, apesar de teoricamente ser renovável, tem seus pontos negativos, como o desmatamento e violações de direitos humanos.

 

Por esse motivo, a energia solar figura cada vez mais como uma das melhores opções hoje se o mundo quer diminuir sua dependência dos combustíveis fósseis e diversificar sua matriz energética.

 

Há diversas razões para se investir em energia solar, como: disponibilidade infinita, baixo impacto ambiental, possibilidade de chegar a lugares remotos, instalação fácil e aproveitamento de locais não utilizados, como telhados, manutenção barata e grande vida útil dos paineis.

 

Entenda um pouco mais sobre como funciona um  serviço de O&M Integral.

 

Com subsídios e incentivos governamentais estratégicos para diminuição dos valores de instalação, certamente essa será uma fonte que tende a crescer nos gráficos de fontes de energia nos países nos próximos anos.

 

* Este post é um publieditorial

 

http://essetalmeioambiente.com/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetans WP-Copyprotect.