Poços artesianos, água potável: uma nova era para Altamira

 

 

Os cinco poços entregues nesta semana atenderão a moradores de quatro bairros de Altamira

Foto: Luis Henrique Silveira

 

Quando críticos de Belo Monte falam sobre mudanças profundas no modo de vida dos moradores da região, muitas vezes é preciso olhar para esse modo de vida, sem idealizações, e ouvir as pessoas que estão vendo seus cotidianos serem transformados.

 

“Fiquei muito contente quando começaram a cavar o buraco para construir o poço artesiano aqui no bairro. Mas vou ficar realmente feliz quando a água estiver saindo pela torneira.” A afirmação é do trabalhador autônomo, Juvenal Alves Lima, 62 anos, morador do bairro Bela Vista que há 12 anos sofre com a falta de água potável.

 

Esta realidade logo fará parte do passado graças ao poço artesiano perfurado pela Norte Energia que vai garantir água potável para os moradores do bairro. A obra faz parte do acordo firmado em setembro de 2013 entre a Norte Energia, empresa responsável pela construção e operação da Usina Hidrelétrica Belo Monte e a prefeitura de Altamira.  

 

Ao todo serão perfurados 11 poços artesianos com bombas submersas com capacidade para bombear, em média, 10 mil litros de água/hora.

 

Cinco poços artesianos foram entregues nesta semana ao município. Eles vão atender a demanda emergencial dos bairros Mirante, Colina, Bela Vista (Ypê, Coopeflon) e Alberto Soares.

 

“É muito bom ver esses empreendimentos para acabar com a falta de água nos bairros. Essa é uma região grande, com residências e comércio. Estamos contentes em presenciar essa entrega”, afirma Bernaldo Ferreira dos Santos, presidente da Associação de Moradores do bairro Colina.

 

São melhorias que alteram profundamente a realidade local. Juntamente com obras de saneamento básico, que já estão avançadas, a instalação de poços artesianos vem mudar a relação da população de Altamira, às margens do Xingu, com a água, elemento tão simbólico da região.

 

Condições de saúde, nutrição, qualidade de vida e urbanismo, fundamentais para o desenvolvimento regional, começam a ser resolvidas e marcam uma nova era para a cidade.

 

O secretário de Planejamento de Altamira, Rainério Meireles, afirma que as obra atendem a uma antiga reivindicação da população, cidadãos que vivem há décadas sem água potável, e vão proporcionar melhorias significativas no abastecimento de água.

 

A responsabilidade pelo funcionamento dos poços artesianos e da distribuição da água será da Prefeitura Municipal de Altamira.

 

http://blogbelomonte.com.br/

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Copy Protected by Chetans WP-Copyprotect.